Atividades de Ciências

Coleção Caderno do Futuro Ciências

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

SUMÁRIO 

BLOCO 1 ....................................................... 4
Natureza
Seres vivos
Elementos não vivos

BLOCO 2 .....................................................10
Seres humanos
Corpo humano
Órgãos dos sentidos

BLOCO 3 .....................................................15
Animais Vertebrados e invertebrados
Revestimento do corpo
Reprodução
Animais domésticos e silvestres

BLOCO 4 ....................................................25
O ser humano e os animais

BLOCO 5 ................................................... 28
Os vegetais
Partes dos vegetais


BLOCO 6......................................................31
Alimentação

BLOCO 7 ....................................................35
Cuidados com o corpo
Higiene pessoal
Higiene do meio ambiente

BLOCO 8..................................................... 41
Recursos naturais – Água – Solo – Ar

BLOCO 9 ....................................................50
A Terra
Movimentos da Terra
Estações do ano

Atividades complementares .................57
Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Atividades Complementares

Os sentidos

Adivinhas


Coleção Vertebrados e Invertebrados

Onde vivem os animais


Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf

Caderno do Futuro Ciencias Pdf




Caderno do Futuro Ciências 1º Ano Professor.

3a edição São Paulo - 2013 Ciências 1o ano ENSINO FUNDAMENTAL

Coleção Caderno do Futuro Ciências © IBEP, 2013 Diretor superintendente Jorge Yunes Gerente editorial Célia de Assis Assessora pedagógica Valdeci Loch Assistente editorial Érika Domingues do Nascimento Revisão Luiz Gustavo Micheletti Bazana Coordenadora de arte Karina Monteiro Assistente de arte Marilia Vilela Tomás Troppmair Nane Carvalho Carla Almeida Freire Coordenadora de iconografia Maria do Céu Pires Passuello Assistente de iconografia Adriana Neves Wilson de Castilho Produção gráfica José Antônio Ferraz Assistente de produção gráfica Eliane M. M. Ferreira Projeto gráfico Departamento de Arte Ibep Capa Departamento de Arte Ibep Editoração eletrônica Departamento de Arte Ibep 3a edição - São Paulo - 2013 Todos os direitos reservados. Av. Alexandre Mackenzie, 619 - Jaguaré São Paulo - SP - 05322-000 - Brasil - Tel.: (11) 2799-7799 www.editoraibep.com.br editoras@ibep-nacional.com.br CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO-NA-FONTE SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ P32c Passos, Célia Ciências : 1º ano / Célia Maria Costa Passos, Zeneide Albuquerque Inocêncio da Silva. - 1. ed. - São Paulo : IBEP, 2012. il. ; 28 cm. (Caderno do futuro) ISBN 978-85-342-3504-4 (aluno) - 978-85-342-3509-9 (mestre) 1. Ciências - Estudo e ensino (Ensino fundamental). I. Silva, Zeneide II. Título. III. Série. 12-8661 CDD: 372.35 CDU: 373.3.016:5 27.11.12 28.11.12 040995

SUMÁRIO 

BLOCO 1 ....................................................... 4
Natureza
Seres vivos
Elementos não vivos

BLOCO 2 .....................................................10
Seres humanos
Corpo humano
Órgãos dos sentidos

BLOCO 3 .....................................................15
Animais Vertebrados e invertebrados
Revestimento do corpo
Reprodução
Animais domésticos e silvestres

BLOCO 4 ....................................................25
O ser humano e os animais

BLOCO 5 ................................................... 28
Os vegetais
Partes dos vegetais

BLOCO 6......................................................31
Alimentação

BLOCO 7 ....................................................35
Cuidados com o corpo
Higiene pessoal
Higiene do meio ambiente

BLOCO 8..................................................... 41
Recursos naturais – Água – Solo – Ar

BLOCO 9 ....................................................50
A Terra
Movimentos da Terra
Estações do ano

Atividades complementares .................57

4 CONTEÚDO: • Natureza • Seres vivos • Elementos não vivos BLOCO 1 Lembre que: Na natureza encontramos vários elementos: luz do sol, animais, vegetais, solo, água e rochas. • Os animais e os vegetais são seres vivos. • Os minerais, a luz do sol, a água e o solo são elementos não vivos. • As rochas, o carvão, as pedras preciosas e a água são minerais. Animais • Os humanos são seres vivos e fazem parte do grupo dos animais. – Os seres humanos transformam os elementos da natureza para viver. Os animais, os vegetais e os minerais são usados para fazer produtos. Os humanos são seres vivos e fazem parte do grupo dos animais. – Os seres humanos transformam os elementos da natureza para viver. Os animais, os vegetais e os minerais são usados para fazer produtos. • Os seres vivos nascem, se alimentam, crescem, podem se reproduzir e morrem. • Os elementos não vivos não nascem, não se alimentam, não se reproduzem e não morrem. me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl1_p3.indd

5. 5 Minerais Gettyimages JoséElias Vegetais 1. ®esenhe figuras que representam ele- mento“ da natureza. Animais Respo“ta pesso{l. Gettyimages Gettyimages me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl1_p3.indd

6. 6 Vegetais Minerais me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb

7. 7 2. ¯aça a co’respo½dência de aco’do co¼ as etiquetas. ²eja o mo‚elo. 1 3 1 1 2 3 2 3 2 1—Animal 2—²egetal 3—Mineral 3. C¾¿ie o no¼e destes seres v‰v¾“. Alface Cƒno§ra G¾‰ab˜ Pato C˜v˜lo PeixeCPG LiquidLibrary LiquidLibrary CPG AbleStockJupiterImages G¾‰ab˜ PeixeC{v˜lo Pato Alface Cƒno§ra me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl1_p3.indd

8. 8 4. C¾Œe figuras de seres v‰v¾“ e de elemento“ não v‰v¾“. Seres vivos Elementos não vivos me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb

9. 9 Lembre que: Os seres vivos precisam dos elementos não vivos para sobreviver. • Os vegetais e animais precisam da luz do sol, da água, do solo e do ar para crescerem e se desenvolverem. • É da natureza que todos os seres vivos retiram seus alimentos e o que mais precisam para sobreviver. 5. ®o que o“ animais precisam para crescer? ®o soŒo, da água, do soŒ e do“ alimento“. 6. C¾¼plete as frases utilizando as palav’as do quadro: soŒo - ser humano - água a) A água é um elemento não v‰v¾ essencial. b)O soŒo é muito impo’tante para o cultiv¾ de vƒgetais. c) O ser humano transfo’ma o“ elemento“ da natureza para v‰vƒr. 7. Numere co’retamente, de aco’do co¼ as perguntas. 1—Que elemento“ não v‰v¾“ são enco½trado“ na natureza? 2—Que o| eto“ fo’am feito“ pelo ser humano? 1 1 2 1 2 2 me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb

10. 10 CONTEÚDOS: • Seres humanos • Corpo humano • Órgãos dos sentidos BLOCO 2 Lembre que: Existem bilhões de seres humanos e nenhum é exatamente igual ao outro. Nem todos têm a mesma cor de pele, a mesma altura, o mesmo tipo de cabelo. Até as pessoas de uma mesma família são diferentes. Com o corpo, as pessoas podem realizar diferentes movimentos: ficar de pé, caminhar, correr, dançar. • Os ossos sustentam o corpo e ajudam a realizar os movimentos. – O conjunto de ossos do corpo chama-se esqueleto. No entanto, altos ou baixos, magros ou gordos, de cabelos loiros ou morenos, os seres humanos possuem um corpo formado por cabeça, tronco, braços e pernas. ToddWarnock cabeça braços membros superiores tronco pernas membros inferiores Jupiterimages me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl2_p3.indd

11. 11 • Os músculos cobrem o esqueleto. Eles estão ligados aos ossos e movem o corpo. • A pele protege o corpo. • Na cabeça estão os cabelos, os olhos, o nariz, as orelhas e a boca. – Debaixo dos cabelos está o crânio. Ele é uma caixa óssea que protege o cérebro, o órgão que controla todas as atividades importantes para a vida do ser humano. • No tronco está o abdome. Dentro dele temos o estômago, o fígado, o pâncreas, o baço, os intestinos, os rins e a bexiga. – O coração e os pulmões também estão no tronco, dentro de uma caixa óssea que os protege. 1. C‰rcule o no¼e das partes do co’po que ficam na cabƒça. pés oŒho“ nariz o’elhas mão“ cabƒlo“ b¾}a co”o¥ƒlo“ unhas Músculos e ossos dão movimento e sustentação ao nosso corpo para realizar diversas atividades. AbleStock 2. Relacio½e as coŒunas: Músculo“ Pele «sso“ E“queleto ¬ustentam o co’po e ajudam no“ mo¥‰mento“ E“tão ligado“ ao“ o“so“ e mo¥ƒm o co’po C¾½junto de to‚o“ o“ o“so“ do co’po humano Revƒste e pro”ege o co’po me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl2_p3.indd

12. 12 3. E½co½tre o no¼e de partes do no“so co’po no caça-palav’as. L B R A Ç O S Q F V C B N P F P S L U T R N M O O L H O S C D Ç G J N C Q J S W V C X I T H M A A P O H G F D S O X A Z B W R R N B N A R I Z S D X E K I L Ç D U A R W O B L V P E R N A S K H M Z H C W V Y T H U P I E O A S D T Ó R A X T U G M S C X Q D E S Y F E 4. ¬epare as palav’as que v¾}ê enco½tro§ no diagrama acima no“ quadro“ que indicam as partes ex- ternas do co’po. CABEÇA TRONCO MEMBROS oŒho“ nariz b¾}a o’elhas tó’ax ab‚o¼e b’aço“ pernas Lembre que: Os sons, a visão, os cheiros, os gostos e as sensações que temos, por exemplo, de frio ou calor são percebidos por nosso corpo pelos órgãos dos sentidos. Os órgãos dos sentidos são olhos, língua, orelhas, nariz e pele. • Com os olhos podemos ver. A visão é um dos sentidos do ser humano. • Com as orelhas podemos ouvir. Elas têm o formato parecido com o de uma concha, que permite captar sons vindos de todas as direções. Assim, mesmo de olhos vendados, podemos saber de onde eles vêm. • O nariz é o órgão do olfato. Com o olfato sentimos o cheiro das flores, dos perfumes e até reconhecemos cheiros que indicam perigo, como vazamento de gás, alimento estragado etc. • A língua é o órgão do paladar. Com ela podemos sentir o sabor dos alimentos. A língua percebe quatro sabores: doce, amargo, salgado e azedo. • A pele reveste nosso corpo. Com ela sentimos o quente, o frio, o duro ou o mole, o liso ou o áspero. Esse é o sentido do tato. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb

13. 13 5. Asso}ie a imagem ao sentido que está sendo usado. oŒfato audição v‰são tato paladar b) O paladar no“ permite ( ) percebƒr a fo’ma de o|Šeto“. (x) sentir sab¾’es. 7. °dentifique o“ sentido“ experimenta- do“ nas frases: a) Ana sentiu o cheiro da so¿a que sua av¡ fez. «lfato b) Ro|ƒrto experimento§ um do}e. Paladar c) J§liana mergulho§ na piscina e fico§ co¼ frio. ±ato d) Marcelo assistiu a uma partida de futeb¾Œ. ²isão e) ±adeu o§v‰u um carro b§zinar. Audição 6. Assinale a alternativ˜ que co¼pleta as frases a seguir. a) O sentido do oŒfato no“ permite ( ) o§v‰r so½s. (x) sentir cheiro“. ( ) vƒr co‰sas. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb

14. 14 8. ±ro‘ue o“ símb¾Œo“ pelas letras e descub’a um alerta: n z b i a u b u z i n a • P¾’ meio de qual sentido po‚emo“ percebƒr esse alerta? Audição 9. «b“ervƒ as imagens das frutas e faça o que se pede. • ¯aça um círculo nas frutas do}es. • ¯aça um quadrado nas azedas. • ¯aça um X nas frutas de casca lisa. • ¯aça um triângulo nas de casca áspera. X X X X X X Algumas pessoas perdem a visão ou nascem sem enxergar. Mas os cegos ou deficientes visuais podem fazer suas atividades diárias usando outros órgãos dos sentidos, como a audição e o tato. Os cegos, por exemplo, conseguem ler. Só que os cegos leem os textos não por letras escritas em papel, mas pelo sistema braile. O francês Louis Braile perdeu a visão ainda criança. Adulto, ele tornou-se professor em uma escola para cegos. Em 1829, ele criou esse sistema formado por conjuntos de pontos que correspondem às letras do alfabeto, aos números e sinais da escrita, como a vírgula, por exemplo. Formado por pequenos pontos salientes, no braile a pessoa sente esses pontos com a extremidade dos dedos. Nesse caso, podemos dizer que a pessoa “lê” pelo sentido do tato. Você já deve ter notado a presença desse sistema em determinados locais. Caso não tenha visto, observe no interior de elevadores de alguns edifícios: abaixo dos números dos andares há pequenos pontos que se podem tocar. Os deficientes visuais “leem” esses pontos e sabem então o número do andar ao qual vão subir ou descer. Também em alguns museus e lugares públicos, por exemplo, pode haver sinalização para deficientes visuais, como título e descrição de obras de arte em braile. X Com os dedos, a pessoa percebe os conjuntos de pontos. Cada conjunto significa uma letra, um número ou sinal gráfico (a vírgula, por exemplo). MarcoAntonioSá/Kino me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl2_p3.indd

15. 15 CPG BLOCO 3 Lembre que: Na natureza existem diversos animais. As pessoas, os peixes, os insetos, as aves são exemplos de animais. Para poder estudar melhor os animais, os cientistas os agrupam de muitas maneiras. Por exemplo, pelas semelhanças nas partes do corpo, pela maneira como se reproduzem e pelos alimentos que comem. Uma das maneiras de dividir os animais é observando sua estrutura. Existem animais que possuem coluna vertebral, e por isso são chamados de vertebrados e existem também animais que não possuem coluna vertebral, são chamados de invertebrados. – Os vertebrados são divididos cinco grupos: mamíferos, aves, répteis, peixes e anfíbios. Alguns exemplos de grupos de animais são: • Mamíferos, formado pelos porcos, cavalos, cachorros, gatos e todos os animais que, ao nascerem, mamam em suas mães. É nesse grupo que se encontram os seres humanos. • Aves, grupo das galinhas, dos patos, da avestruz e de todos os pássaros. • Répteis, no qual estão animais como as lagartixas, os jacarés, as cobras, os lagartos e as tartarugas. • Peixes, composto por bagres, pirarucus, tucunarés, cavalos-marinhos e muitos outros. • Anfíbios, onde estão os sapos e as pererecas. • Insetos, grupo da borboleta, da formiga, do pernilongo. Esse grupo faz parte dos invertebrados. Existem ainda muitos outros grupos, mas o importante é saber que se pode agrupar os animais pelas suas características. Cavalo. Galo. Cobra. Perereca. Peixe. Mosca. CPG FábioColombini AbleStock CPG Mamífero Anfíbio Ave RéptilVV InsetoVV LiquidLibrary Peixe CONTEÚDO: • Animais • Vertebrados e invertebrados • Revestimento do corpo • Reprodução • Animais domésticos e silvestres me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl3_p3.indd

16. 16 Lembre que: Os animais podem viver em diferentes ambientes. • Os que vivem somente na terra são chamados terrestres, como o coelho, o cachorro, o gato, o boi, o leão, a girafa e muitos outros. • Aqueles que vivem apenas na água são os aquáticos, como os peixes, as baleias, a estrela- -do-mar etc. • Existem também aqueles que vivem na água e na terra, como os sapos, as pererecas e os jacarés, por exemplo. 1. Pinte o“ animais terrestres. C‰rcule o“ animais aquático“. X X X X 2. Descub’a o grupo ao qual pertencem o“ animais e co¼plete a cruzadinha. a) G’upo de animais a que pertencem a fo’miga, a lagarta, o bƒso§ro. °nseto“ b) «s animais desse grupo ao nas- cer mamam em suas mães. Mamífero“ c) ±o‚o“ o“ animais desse grupo v‰vƒm na água, salgada o§ do}e. Peixes d) ±o‚o“ o“ pássaro“ pertencem a este grupo. Avƒs m a a v m p e i n s e t o s f i e x r e o s s b) c) d) a) me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl3_p3.indd

17. 17 Lembre que: Os animais ainda apresentam diferentes tipos de proteção em volta do corpo. Alguns têm a pele coberta de pelos ou de penas; outros de escamas ou de placas duras. Outros ainda têm a pele lisa. FábioColombini Pelos Mico-leão-dourado. FábioColombini Escamas Cobra. AbleStock Pele lisa Sapo. Pato. Penas AbleStock Placas duras Jacaré. AbleStock 3. Ligue cada animal ao mo‚o co¼o ele se lo}o¼o¥ƒ. anda salta nada v¾˜ rasteja me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl3_p3.indd

18. 18 4. Pinte as áreas po½tilhadas e descub’a que animal aparece. Ago’a, faça um X nas frases que descrevƒm o animal acima. ( ) ±em o co’po co|ƒrto de pelo“. ( ) ±em quatro patas. ( ) C¾¼e vƒgetais. ( ) ±em do‰s pés. ( ) Po“sui placas duras. ( ) Po“sui coŒuna vƒrteb’al. C{v{lo. X X X X 5. E“crev˜ o no¼e de do‰s animais: Respo“ta pesso˜l. a) Que têm o co’po co|ƒrto po’ penas: e . b) Que têm pelo“: e . c) Que têm a pele lisa: e . 6. Asso}ie cada animal a uma das características. a Urso-poŒar b J˜caré c Mo’cego d ±artaruga d É co|ƒrta po’ placas duras. a ²ivƒ em uma região co¼ nevƒ. b É um réptil que rasteja. c É um mamífero que v¾˜. me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl3_p3.indd

19. 19 7. Reco’te de uma rev‰sta a imagem de um animal, coŒe-a aqui e descrev{ as suas características. «nde v‰vƒ? Respo“tas pesso{is. ®o que se alimenta? C¾¼o é co|ƒrta a sua pele? C¾¼o se lo}o¼o¥ƒ? me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb

20. 20 Lembre que: • Alguns animais são formados e se desenvolvem dentro da barriga das fêmeas antes de nascer. Eles são chamados vivíparos. Os seres humanos, as baleias, os cachorros, os gatos e muitos outros animais são vivíparos. – Os animais que mamam quando são filhotes são os mamíferos. • Há animais que nascem de ovos postos pelas fêmeas. Esses ovos se desenvolvem fora do corpo delas. Esses animais são chamados ovíparos. As aves, a tartaruga, as cobras, a borboleta são exemplos desses animais. 8. Pinte so¼ente o“ animais v‰v paro“. X X X 9. C¾¼plete o no¼e do“ animais o¥ - paro“, escrevƒndo apenas as v¾†ais. g l nhia a t rt r g –m r nhia a a a au p p g ia a a o 10. ®escub’a a que animal se refere cada uma destas afirmaçõƒs. avƒstruz – galinha – tartaruga-marinha a) C‡o}a o“ o¥¾“ durante 22 dias. G˜linha b) ¬eus o¥¾“ são o“ maio’es entre to‚o“ o“ animais do grupo das avƒs. Avƒstruz c) −o”a o¥¾“ na areia da praia e o“ enterra. ±artaruga-marinha FábioColombini AbleStock FábioColombini me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb

21. 21 Lembre que: • Animais domesticados são aqueles criados pelo ser humano, gato, cachorro, galinha, porco, boi, vaca. • Animais silvestres são aqueles que vivem livres na natureza. gato cachorro onça-pintada cavalo urso-polar zebra 11. C¾¿ie o no¼e do“ animais, separan- do-o“ em do¼esticado“ e silvƒstres. 12. C¾¼plete as frases. a) «s animais do¼esticado“ são aqueles criado“ pelo ser humano. b) «s animais silvƒstres são aqueles que v‰vƒm liv’es na natu- reza. 13. Pro}ure no diagrama ab˜ixo o no¼e de 7 (sete) animais silvƒstres. AbleStock Animais do¼esticado“: cacho’ro, gato, cav˜lo Animais silvƒstres: zeb’a, o½ça, urso-poŒar U Q M R E F O N Ç A R A V B L E à O J S S Z P R I L U P Z T O B G I R A F A B I R E O F G Z S W X G Ç M T A T U H J A R M A C A C O Z Z T E 14. ¯aça um X nas frases que estão fa- lando so|’e o“ animais do¼esticado“. ( x ) ¬ão animais criado“ pelo ser humano. ( x ) O cacho’ro e o gato são exem- plo“ de animais desse tipo. ( ) ²ivƒm liv’es na natureza. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb

22. 22 15. ²o}ê já v‰u algum animal silvƒstre? «nde? ®esenhe-o. me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl3_p3.indd

23. 23 O escorpião injeta veneno com o ferrão da cauda. O gafanhoto se alimenta de folhas e ataca plantações. A pulga se alimenta de sangue de outros animais. AbleStock PalêZupponi/PulsarImagens Keydisc 16. E¦plique o que esses animais po- dem causar ao“ seres humano“. a) rato As fezes e a urina do rato transmitem doƒnças às pesso˜s e a o§tro“ animais. b) cascavƒl A cascavƒl po‚e injetar vƒneno no co’po das pesso˜s e em o§tro“ animais. c) esco’pião O esco’pião tambñm injeta vƒneno no co’po das pesso˜s e em o§tro“ animais. Lembre que: Alguns animais são nocivos ao ser humano e a outros animais, de maneira direta ou indireta, isto é: • Há animais que injetam veneno em outros animais para conseguir alimento ou para se defender. Quando ameaçamos esses animais, eles se defendem e injetam veneno em nosso corpo. • Para se alimentar, alguns animais comem as folhas de vegetais. Alguns deles chegam a destruir plantações feitas pelas pessoas. • Há animais que sugam o sangue de outros para viver, como a pulga, o carrapato e o piolho. Lembre que: • Ratos, moscas e baratas vivem em ambientes com lixo. Por isso, seu corpo carrega seres microscópicos, ou seja, que não são vistos pelos nossos olhos. Fezes desses animais, e urina no caso dos ratos, podem atingir um alimento, uma pessoa ou outro animal e transmitir doenças. – Para evitar doenças transmitidas por esses animais é importante ter bons hábitos de higiene e limpeza. Não deixar lixo acumulado, entulho e outros materiais que servem de abrigo para eles. me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl3_p3.indd 23

24. 24 17. Respo½da. a) C¾¼o alguns animais po‚em pre- judicar o ser humano atravñs das plantas? ®estruindo as plantaçõƒs, po‰s alguns animais co¼em as foŒhas de vƒgetais. b) Que animais enco½trado“ em no“sa casa po‚em no“ prejudicar? −arata, rato, mo“ca e pulga. c) C¾¼o o ser humano se pro”ege do“ animais que o prejudicam? C¾¼ háb‰to“ de higiene, co½strução de rede de esgo”o“, uso de inseticidas, pesticidas. 18. Marque as alternativ˜s co’retas: a) C¾¼o o“ animais po‚em prejudi- car o ser humano? ( x ) co¼endo plantaçõƒs ( ) cantando ( x ) causando doƒnças b) ¬ão animais que po‚em trans- mitir doƒnças: ( x ) rato ( ) b¾’b¾Œeta ( x ) pulga ( ) tartaruga ( x ) b{rata COMO PREVENIR ACIDENTES COM ANIMAIS PEÇONHENTOS • Evite brincar ou mexer em locais com acúmulo de entulho, madeira ou outros materiais que possam oferecer esconderijo para aranhas, escorpiões e cobras. • Não coloque a mão em buracos ou frestas. • Não ande descalço. • Nunca pegue um animal peçonhento na mão, nem que pareça morto. • Em caso de picada, é preciso levar a pessoa para atendimento médico o mais rápido possível. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb

25. 25 CONTEÚDO: • O ser humano e os animais BLOCO 4 Lembre que: Os seres humanos utilizam alguns animais na alimentação, no vestuário e no transporte. • O leite, as carnes, os ovos, o mel são alguns alimentos de origem animal. • A lã, o fio para fazer tecido e o couro são obtidos de alguns animais. • Há ainda animais usados no transporte de pessoas e de cargas. Existem ainda muitos outros grupos, mas o importante é saber que se pode agrupar os animais pelas suas características. 1. Ligue cada animal ao que o ser humano utiliza dele. galinha porco ovelha vaca me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl4_p3.indd

26. 26 2. E“crev{ o no¼e do“ animais usa- do“ para transpo’te. C˜v˜lo, jegue o§ b§rro. 4. O que o“ seres humano“ utilizam desses animais? E“crev˜ no“ re- tângulo“. abelha peixe porco galinha vaca bicho-da-seda mel carne carne carne e o¥¾“ fio de seda carne, leite e co§ro 3. Preencha as lacunas co¼ as palav’as do quadro: o¥ƒlha - co§ro - cav{lo a) A lã é fo’necida pela o¥ƒlha . b) O transpo’te de pesso˜s e cargas po‚e ser feito pelo cav˜lo . c) A v˜ca fo’nece o co§ro . me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb

27. 27 5. Respo½da. a) «s o¥¾“ de galinha são utiliza- do“ no preparo de muito“ pra- to“. C‰te alguns que v¾}ê co½hece. «meletes, b¾Œo“, to’tas. b) Além da v˜ca, que o§tro animal pro‚uz o leite utilizado pelo“ se- res humano“? A cab’a, a b¤fala, a o¥ƒlha. 6. C¾¼plete a cruzadinha co¼ o“ no- mes de alguns pro‚uto“ feito“ co¼ o co§ro e o leite da v{ca. i s o m a n t e i g a p u a c r t a t b o l s a e a c o 7. Pesquise em jo’nais o§ rev‰stas um alimento de que v¾}ê go“te e que tenha algum item o§ ingrediente de o’igem animal. ¬e preferir, desenhe-o: me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl4_p3.indd

28. 28 Estes vegetais são usados como alimentos. Legumes variados. Com a madeira podemos fabricar móveis. Plantação de eucalipto, árvore da qual se extrai madeira usada como lenha e na fabricação de móveis, papel etc. Da flor do algodão produzimos tecidos para fabricação de roupas. Flor de algodoeiro. Lembre que: O vegetal ou a planta é um ser vivo que nasce, cresce, se reproduz e morre. • Para crescer e se desenvolver, uma planta precisa de luz, calor, ar, água e sais minerais. • Ao contrário dos animais, as plantas são capazes de fabricar seu próprio alimento. • As plantas se reproduzem e dão origem a outras, semelhantes a elas. – A maioria das plantas nasce de sementes. – Mas muitas plantas podem se desenvolver de mudas. Lembre que: Os vegetais servem de alimento para os seres humanos e para outros animais. Com eles também são fabricados remédios, roupas e utensílios domésticos. Veja algumas possibilidades de utilização dos vegetais: CONTEÚDO: • Os vegetais • Partes dos vegetais BLOCO 5 GettyImagesDonBayley AbleStock me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl5_p3.indd

29. 29 2. ®e que planta nascem estes fruto“? ab{cateiro laranjeira mangueira 3. E“crev{ o no¼e das partes da planta. 1 1 5 5 2 2 4 4 3 3 1. Adiv‰nhe o que so§. C¾Œo‘ue na adiv‰nha o no¼e da parte da planta co’respo½dente. flo’ raiz fruto caule foŒha a) ¯ixo a planta na terra e ab“o’v¾ água co¼ sais minerais. Raiz. b) ±ranspo’to a água co¼ sais mi- nerais e a glico“e pro‚uzida. C˜ule. c) ¬o§ respo½sávƒl pela pro‚ução da glico“e, que dá energia para a planta. ¯oŒha. d) E§ me transfo’mo em fruto. ¯lo’. e) G§ardo as sementes. ¯ruto. flo’es fruto“ raízes caule foŒhas me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl5_p3.indd

30. 30 Em vez de desperdiçar as cascas e os restos de verduras, frutas e legumes que utilizamos na alimentação, podemos transformá-los em adubo para as hortas e os jardins. Peça a um adulto que arranje uma caixa de madeira para você. Encha essa caixa com cascas e restos de vegetais. Os resíduos começarão a se decompor. Em algumas semanas, eles terão se transformado num ótimo adubo para o seu jardim. 4. Numere o“ quadradinho“ de aco’do co¼ o desenv¾Œv‰mento de uma planta. 3 2 1 4 5. C¾¼plete as frases de aco’do co¼ o que v¾}ê aprendeu. a) A maio’ia das plantas nasce de sementes . b) «utras plantas se desenv¾Œvƒm a partir de mudas . me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb

31. 31 CONTEÚDO: • Alimentação BLOCO 6 Lembre que: Devemos comer alimentos adequados todos os dias para crescer, ter energia e ficar fortes e sadios. • Os alimentos vêm das plantas e dos animais. Alguns podem ser comidos crus, outros devem ser cozidos. • Devemos praticar bons hábitos em relação à alimentação. – Lavar as mãos antes e depois das refeições. – Fazer as refeições nas horas certas: café da manhã, almoço, lanche e jantar. – Evitar balas, bolachas, biscoitos e salgadinhos entre as refeições. Esses alimentos engordam e estragam os dentes. – Comer frutas, legumes, verduras e beber muito suco natural. – Lavar as frutas e verduras. – Beber água filtrada ou fervida. – Evitar refrigerantes. – Preferir alimentos naturais e frescos. Existe um ditado que afirma: ‘‘coma para viver, não viva para comer’’, ou seja, precisamos comer para nosso desenvolvimento e saúde. Comer demais torna as pessoas obesas e traz riscos de doenças. Gettyimages Alimentos de consumo irrestrito Frutas, verduras e legumes precisam ser bem lavados e não necessitam de cozimento. Alimentos de consumo moderado Alimentos industrializados, doces e frituras devem ser consumidos com moderação. Cenoura.Frutas. Salgadinho. Doces. Batata frita. Repolho. AbleStock AbleStock PetraJansov/istockPhotos JackJelly LizVanSteenburgh GettyImages me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl6_p3.indd

32. 32 1. C¾¿ie o no¼e do“ alimento“ no quadro certo. GettyimagesEising Gettyimages Gettyimages SteveCukrov2007 AbleStock leite – ceno§ra – frango o¥¾“ – feijão – maçã Origem vegetal Origem animal maçã ceno§ra feijão frango leite o¥¾“ Origem vegetal Origem animal farinha açúcar margarina leite o¥¾“ manteiga 2. E“crev˜ o no¼e do“ alimento“ que co¼põƒm seu prato preferido. Respo“ta pesso˜l. 3. Na fo”o aparecem všrio“ b¾Œo“. Pesquise uma receita de b¾Œo e vƒja quais o“ ingredientes necessário“ para fazer um b¾Œo. Liste ab˜ixo aqueles que são de o’igem vƒgetal e o“ de o’igem animal. AbleStockme2013_miolo_cadfuturo_c1_bl6_p3.indd

33. 33 4. C‰rcule apenas o“ alimento“ que po- dem ser co½sumido“ crus: feijão - laranja - lentilha alface - b{nana - milho repoŒho - to¼ate - ab¾|’inha maçã - grão-de-b‰co - pepino a) Ago’a separe o“ alimento“ po’ catego’ia: Frutas Legumes Verduras Grãos b{nana laranja maçã to¼ate ab¾|’inha pepino alface repoŒho feijão lentilha grão-de-b‰co milho b) Qual grupo de alimento“ neces- sita de co©imento? «s grão“. 5. C¾¼plete as frases co¼ as palav’as do quadro: mo‚eração – saúde – doƒnças do}es – dentes – frituras a) «s alimento“ industrializa- do“ devƒm ser co½sumido“ co¼ mo‚eração . b) Uma b¾˜ saúde po‚e ser co½quistada co¼ uma alimenta- ção adequada. c) A o|ƒsidade po‚e acarretar divƒrsas doƒnças crô½icas. d) «s do}es precisam ser co½su- mido“ co¼ mo‚eração, po’que o excesso po‚e estragar o“ dentes . e) Para uma alimentação saudávƒl é necessário ev‰tar frituras . me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl6_p3.indd

34. 34 6. Assinale as frases que co’respo½dem a b¾½s háb‰to“ em relação à ali- mentação: x −ebƒr suco“ e água filtrada. Não lav˜r as mão“ antes e depo‰s das refeiçõƒs. −ebƒr água da to’neira e re- frigerante. x E¥‰tar b¾Œachas e salgadinho“. x ¯azer as refeiçõƒs nas ho’as certas. 7. Leia as palav’as do quadro: leite – o¥¾“ – b˜tata – ab˜cate a) Quais alimento“ v¾}ê enco½tro§ de o’igem animal? Leite e o¥¾“. b) Quais alimento“ v¾}ê enco½tro§ de o’igem vƒgetal? −atata e ab˜cate. DE OLHO NO RÓTULO Ao comprar alimentos industrializados, devemos ter alguns cuidados. O principal deles é verificar a data de validade na embalagem do produto. É muito importante que o alimento esteja dentro desse prazo. Se for enlatado, a lata não pode estar amassada, estufada ou enferrujada, pois é sinal de que o seu conteúdo não está apropriado para consumo. Produtos com as embalagens rasgadas também dever ser evitados. Assim como embalagens longa vida amassadas. Preste atenção também na indicação dos componentes do alimento: a quantidade de gorduras, de carboidratos, de vitaminas, de sais minerais. Para as pessoas que precisam tomar cuidado com a ingestão de alguns desses componentes, essas informações são muito importantes. Todos nós devemos verificar a composição dos produtos. Os aditivos químicos também devem ser divulgados na embalagem dos alimentos. Eles são substâncias artificiais que têm a função de conservar, dar cor, aroma, textura e outras características aos alimentos. Os aditivos químicos podem causar danos à saúde e, por isso, a quantidade ingerida diariamente deve ser controlada. Muitos corantes usados em doces causam alergias. me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl6_p3.indd
35. 35 CONTEÚDO: • Cuidados com o corpo • Higiene pessoal • Higiene do meio ambiente BLOCO 7 Lembre que: Todos nós desejamos ter saúde. • Para ter saúde, devemos cuidar do nosso corpo e da nossa mente. • Manter a higiene, comer alimentos saudáveis, praticar exercícios e dormir o suficiente são fatores importantes para ter saúde. Leia algumas dicas de hábitos saudáveis: – Escovar os dentes; – Alimentar-se bem; – Sentar-se corretamente; – Praticar esportes; – Cortar as unhas; – Usar roupas limpas e confortáveis; – Dormir pelo menos 8 horas por dia; – Lavar as mãos antes das refeições; – Tomar banho. 1. C¾¼plete as frases de aco’do co¼ as ilustraçõƒs. a) C¾¼ a esco¥˜ de dentes esco¥¾ meus dentes. b) C¾¼ o sab¾½ete to¼o b˜nho. c) C¾¼ o pente penteio o“ cabƒlo“. d) C¾¼ a teso§ra de unhas co’to as unhas. Para a saúde da mente é importante: – Ler bons livros; – Brincar; – Ouvir música; – Desenhar; – Passear; – Cultivar amigos; – Praticar esporte tambem é bom para a mente. me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl7_p3.indd

36. 36 2. Marque a respo“ta co’reta. Qual é a função do“ dentes? Pro”eger a gengiv{. X Mastigar o“ alimento“. E½feitar a b¾}a. 3. Pinte o“ o|Šeto“ que usamo“ para fazer a higiene do co’po. X X X X 4. Marque co¼ a letra C o“ háb‰to“ saudávƒis para o co’po e co¼ a letra M o“ háb‰to“ saudávƒis para a mente: C ¬entar-se co’retamente. M °r a um museu. M ¯azer amigo“. C C¾’tar as unhas. M «uv‰r música. C ±o¼ar b˜nho. C E“co¥˜r o“ dentes. 5. °ndique três açõƒs impo’tantes para manter uma b¾˜ saúde física. Respo“ta pesso{l. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
37. 37 6. ¯aça um desenho da ativ‰dade que v¾}ê mais go“ta de fazer: me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
38. 38 Lembre que: A saúde também depende da higiene do lugar em que vivemos. Todos podem ajudar a tornar limpo o lugar em que vivem. Grande parte do lixo pode ser reciclada, isto é, aproveitada na fabricação de novos produtos. Dessa maneira, colaboramos sendo mais cuidadosos com o lixo. Para que o lixo seja reciclado, ele precisa ser separado por categoria: Vidro Metal Restos de alimentos Plástico Papel • Os vidros, plásticos, metais e papéis são reciclados, isto é, são usados para fazer novos vidros, plásticos, metais e papéis. • Os restos de alimentos são usados para fazer adubo. Lixeiras de coleta seletiva. JucaMartins/OlharImagem Com o resto de alimentos é possível fazer adubo orgânico. Pela decomposição de cascas de ovos, frutas e outros restos vegetais, os restos de alimentos tornam-se fertilizante para serem usados nas hortas e nos jardins. 7. Respo½da marcando co¼ um X. Respo“tas pesso{is. a) Na sua escoŒa há lixeira? ¬im Não me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
39. 39 b) Quando v¾}ê vò um coŒega jo- gando lixo no chão, chama a atenção dele? ¬im Não c) Na rua o½de v¾}ê mo’a, o lixo é coŒetado diariamente? ¬im Não d) É co’reto jo†ar lixo pela janela do carro o§ do ô½ib§s? ¬im Não 8. Pinte o material que po‚e ser transfo’mado em adub¾: 9. Leia e pinte as cenas que estão co’retas em relação ao lixo. Enterrar o lixo (caso não passem os coletores de lixo). Jogar o lixo em um terreno vazio. Jogar o lixo em terreno vazio, córregos e rios. Colocar o lixo em sacos de plástico e fechar bem. X X transfo’mado em adub¾: X me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
40. 40 10. Levƒ cada lixo para a lixeira co’reta. plástico papel restos de alimento vidro metal me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
41. 41 • O lixo que jogamos nas ruas entra pelos bueiros e também polui a água dos rios e dos mares. • Muitas vezes, o lixo entope os bueiros e isso alaga as ruas. • Além disso, de tanto receber lixo, o rio vai ficando cada vez mais raso. • O rio raso enche depressa nas chuvas e inunda as ruas. Lembre que: Os seres vivos necessitam de água para viver. Nós, os seres humanos, usamos a água para beber, lavar os alimentos, fazer a limpeza de nosso corpo e dos animais, da nossa casa. • Encontramos água nos rios, nos mares, nas nuvens. • A água que os seres humanos devem utilizar para consumo é a água potável, que vem das estações de tratamento. Essa água deve ser filtrada antes de ser ingerida. • A água que sai das casas carrega sabão, detergente, restos de comida, papéis, fezes. Essa água deve passar pela estação de tratamento antes de ser descartada, caso contrário, a água suja é levada por canos até os rios e mares. Então, esses ambientes ficam poluídos. CONTEÚDOS: • Recursos naturais – Água – Solo – Ar BLOCO 8 O acúmulo de lixo nos rios é uma das causas das enchentes. Jacek/Kino me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl8_p3.indd
42. 42 esco¥{r o“ dentes coûinhar limpar o chão to¼ar b{nho regar plantas bƒbƒr 2. «b“ervƒ o“ desenho“ e co¼plete. Utilizamo“ a água para: 1. Para que sua família uso§ a água hoŠe? ¯aça um X. Respo“tas pesso˜is. E“co¥{r o“ dentes. E½cher a b{nheira. −ebƒr. Preparar alimento“. Lav{r vƒículo“. ±o¼ar b{nho. Lav{r as mão“. Usar a descarga. Regar plantas. Lav{r o chão. Lav{r lo§ça. Lav{r ro§pa. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
43. 43 3. ±ro‘ue o“ símb¾Œo“ pelas letras e descub’a o no¼e de algo impo’tante para as no“sas v‰das. s g á i a r u á g u a 4. C¾¼plete as frases so|’e as cau- sas das enchentes: inunda – b§eiro“ – cho¥ƒr mares – raso – ento¿e rio - ruas a) ¬e cho¥ƒr muito o lixo jo†ado nas ruas ento¿e o“ b§eiro“, e sem ter para o½de ir a água alaga as ruas. b) O lixo que entra pelo“ b§eiro“ acab˜ indo parar no“ rio“, lago“ e mares. c) O rio v˜i ficando cada vƒz mais raso , po’que o lixo v˜i se depo“itando no fundo. d) Quando cho¥ƒ muito o rio raso enche depressa e inunda as ruas. 5. C¾¼plete a cruzadinha co¼ o“ lu- gares o½de po‚emo“ enco½trar água. p t o r n e i r a s ç i o o m a r e s s me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl8_p3.indd
44. 44 7. ¬epare as letras do“ número“ e fo’me duas palav’as. 9 f i l 4 3 7 9 0 8 3 8 7 5 t r a 2 6 7 d a 4 7 8 5 1 3 1 6 8 2 4 3 6 3 7 2 4 2 0 5 7 6 2 7 0 p o 2 t á 3 7 5 9 2 5 1 6 3 7 9 5 2 1 3 5 8 5 3 9 5 1 5 v e l 7 6 f i l t r a d a p o t á v e l • Ago’a que v¾}ê enco½tro§ as palav’as, co¼plete a frase: A água que o“ seres humano“ devƒm utilizar é a água po”ávƒl , e antes de ser ingerida devƒ ser filtrada . 6. Pinte as açõƒs em que a água será utilizada. Pular amarelinha. E“co¥˜r o“ dentes. ®escascar uma maçã. Preparar alimento“. ®esenhar. ±o¼ar b˜nho. «uv‰r rádio. Lav˜r a ro§pa. −ebƒr. Regar as plantas. X X X X X X me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl8_p3.indd
45. 45 Lembre que: Os seres vivos precisam do solo. • No solo vivem muitos animais, como os tatus, as formigas, as minhocas. • É no solo também que a maioria das plantas se desenvolve. • Os seres humanos transformam o solo para fazer plantações, construir cidades e outras atividades. 3 1 2 8. Numere as cenas de aco’do co¼ as indicaçõƒs para mo“trar co¼o o soŒo fo‰ transfo’mado. 1 co½strução de mo’adias 2 pasto 3 ab’igo de animais 9. Pinte a cena que mo“tra uma ati- tude co’reta em relação ao soŒo. X me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl8_p3.indd
46. 46 10. Assinale o que há no soŒo: gaiv¾”a X to¿eira pipa caneta X pedras X minho}a caneta X fo’miga X tatu b¾½eca telhado X raízes • Ago’a, faça um desenho ilustrando tudo o que v¾}ê assinalo§: me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
47. 47 Lembre que: Os seres humanos modificam o ambiente para atender suas necessidades. Eles constroem ruas, moradias, pontes, prédios, fazem plantações. Para fazer essas modificações é preciso tomar muito cuidado, pois os seres vivos que vivem nesses ambientes podem ser prejudicados. Muitas construções feitas pelas pessoas ocupam o lugar onde viviam animais e vegetais. Para viver nesses lugares, as pessoas destroem o ambiente desses seres vivos. 12. Assinale, na segunda cena, to‚as as mo‚ificaçõƒs que fo’am feitas no amb‰ente. X X X X X X X X 11. Pesquise em uma rev‰sta uma imagem que mo“tre uma mo‚ificação do ser humano no amb‰ente co¼o plantaçõƒs e co½struçõƒs de casas o§ fáb’icas. Reco’te-a e coŒe-a aqui. me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl8_p3.indd
48. 48 13. Po‚emo“ percebƒr o ar quando: X Um av‰ão v¾˜. X As árv¾’es b˜lançam. «s pássaro“ cantam. J¾†amo“ b˜squete. X Uma po’ta b˜te. X A poƒira v¾˜. X Av‰stamo“ um paraquedas. Lembre que: Todos os seres vivos precisam do ar para viver. • O ar forma uma camada de gases que envolve o nosso planeta, chamada atmosfera. • No ar há um gás chamado oxigênio. Esse gás é necessário para a sobrevivência dos seres vivos. • Quando o ar está em movimento, dizemos que há vento. Na imagem, as crianças respiram e as plantas também, a pipa voa, tudo graças ao ar. AbleStock 14. C¾¼plete as frases. a) Atmo“fera é uma grande camada de ar que env¾Œve a ±erra . b) Ar é uma mistura de gases . c) O o¦igênio é um desses gases. me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl8_p3.indd
49. 49 Alguns instrumentos ajudam a perceber a velocidade e a direção do vento. Esses instrumentos são muito utilizados em campos de aviação. 15. C¾¼o po‚emo“ percebƒr a existência do ar? Pelo vƒnto, que é o ar em mo¥‰mento. 16. °dentifique se as frases são vƒrdadeiras (V) o§ falsas (F): ( V) «s seres v‰v¾“ precisam do ar para v‰vƒr. ( V) No ar existe um gás chamado o¦igênio. ( F) O o¦igênio não é necessário para a so|’ev‰vòncia do“ seres v‰v¾“. ( F) O ar parado é chamado vƒnto. Esta é a biruta, instrumento que indica a direção do vento. Este instrumento chamado anemômetro indica a velocidade do vento. GettyimagesGettyimages me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl8_p3.indd
50. 50 CONTEÚDO: • A Terra • Movimentos da Terra • Estações do ano BLOCO 9 A Terra vista do espaço. Nasa/GuiaGeográficoMapas • À noite, quando olhamos o céu, além das estrelas vemos a Lua. Ela não possui luz própria, apenas reflete a luz do Sol. – A Lua é um satélite natural e gira em torno da Terra. • Assim como a Lua, a Terra também gira, mas em torno do Sol. – O tempo de duração de uma volta completa da Terra ao redor do Sol é de 365 dias, ou seja, um ano. – A Terra também gira em torno de si mesma, como um pião. Para completar uma volta ela leva 24 horas, ou seja, um dia. A Terra faz o giro em volta de si mesma. A Terra gira em torno do Sol. Lembre que: A Terra é o planeta onde vivemos. A atmosfera também protege a Terra das radiações emitidas pelo Sol. Sem ela, o calor do Sol seria tão forte que a vida no planeta se tornaria impossível. Graças à atmosfera, as temperaturas permitem que os seres vivos habitem quase todos os espaços do planeta. Lua Lua me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl9_p3.indd
51. 51 Dia. AbleStock Noite. AbleStock • O Sol é uma grande estrela que ilumina e aquece a Terra. • A luz do Sol é indispensável para a vida dos seres vivos. • Os animais e as plantas recebem luz e calor do Sol. • No lado da Terra virado para o Sol, é dia. • No lado da Terra que está escondido do Sol, é noite. 1. Marque a respo“ta co’reta. a) A ±erra gira em to’no: da Lua. X do ¬oŒ. das estrelas. b) O satélite da Terra é: X a Lua. o ¬ol. uma estrela. c) Para dar uma v¾Œta co¼pleta ao redo’ do ¬oŒ, a ±erra lev˜: X 365 dias. um dia. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
52. 52 2. E½co½tre as palav’as no diagrama. ¬oŒ ±erraLua E“trela M T V L U A T C J E G S B H Z Z L R I M S P P R A R M U O P Z R C A M U L S X O E S T R E L A C 3. °dentifique as frases vƒrdadeiras (V) e as falsas (F): a) No lado da ±erra esco½dido do ¬oŒ é dia. (F) No lado da ±erra esco½dido do ¬oŒ é no‰te. (V) b) A luz do ¬oŒ é indispensávƒl à v‰da na ±erra. (V) A luz do ¬oŒ é dispensávƒl à v‰da na ±erra. (F) c) A Lua é um satélite natural da ±erra. (V) A ±erra é um satélite natural da Lua. (F) 4. C¾¼plete as frases co¼ as palav’as do quadro: estrela – no‰te – ±erra - dia satélite – ¬ol - aquece a) No lado da ±erra v¾Œtado para o ¬oŒ é dia . b) A ±erra demo’a 1 dia para co¼pletar uma v¾Œta em to’no de si mesma. c) A Lua é um satélite natural, po’ isso ela gira em v¾Œta da ±erra, po‚emo“ vò-la à no‰te . me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb

53. 53 Lembre que: • Durante o percurso que a Terra faz ao redor do Sol em um ano, o clima e a duração do dia e da noite vão mudando. São as estações do ano: primavera, verão, outono e inverno. – Na primavera, começam a brotar folhas novas em algumas plantas e muitas flores desabrocham. A primavera começa aproximadamente em 23 de setembro e vai até 21 de dezembro. – No verão, faz calor e ocorrem chuvas em várias partes do Brasil. O verão vai de 21 de dezembro a 21 de março. – No outono começa a ficar mais frio e algumas árvores perdem suas folhas. O outono começa em 21 de março e termina em 21 de junho. – No inverno as temperaturas ficam mais baixas e, em alguns lugares do mundo, pode cair neve em grande quantidade. O inverno começa por volta do dia 21 de junho e vai até 23 de setembro. Verão. Inverno. As duas fotos são do Jardim Botânico de Curitiba. A primeira foi tirada no verão e a segunda foi tirada em um dia de inverno. Observe a diferença na vegetação. • Há uma época em que faz mais calor e outra em que faz mais frio. Há períodos em que chove mais e outros em que chove menos ou quase nada. E até o dia fica mais curto ou mais longo, dependendo da época. • Nós vivemos no Brasil. Em algumas regiões as diferenças entre as estações do ano são marcadas principalmente pela quantidade de chuva. Em outras regiões é possível verificar a diferença das estações por meio da vegetação. d) O ¬oŒ é uma grande estrela que ilumina e aquece a ±erra. 5. ¯aça a ligação entre o“ quadro“: ±erra Lua ¬oŒ É uma grande estrela. G‰ra em to’no de si mesma. É um satélite natural. LuizFernandoSouzaFernandes ThomazVitaNeto/PulsarImagens me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl9_p3.indd
54. 54 6. Relacio½e as três coŒunas: Algumas árv¾’es co¼eçam a perder foŒhas, co¼eça a ficar mais frio. O clima fica mais seco, o frio é mais intenso em alguns lugares. C‡o¥ƒ mais e o clima tambñm fica mais quente. ¯oŒhas no¥{s co¼eçam a b’o”ar e as flo’es desab’o}ham, o clima co¼eça a esquentar. Primavƒra ²erão «uto½o °nvƒrno C¾¼eça em 21 de dezemb’o e termina em 21 de março. C¾¼eça em 21 de março e termina em 21 de junho. C¾¼eça em 23 de setemb’o e termina em 21 de dezemb’o. C¾¼eça em 21 de junho e termina em 23 de setemb’o. 7. C¾¼plete as árv¾’es de aco’do co¼ a estação do ano indicada em cada uma delas. CŒima e vƒgetação E“tação Perío‚o «uto½o • Po§cas foŒhas na árv¾’e • ¯oŒhas amareladas • ¯ruto“ Primavƒra • Muitas foŒhas na árv¾’e • ¯lo’es me2013_miolo_cadfuturo_c1_bl9_p3.indd
55. 55 8. Pinte o mês do ano em que v¾}ê nasceu: Respo“ta pesso˜l. Respo½da: a) E“crev˜ o no¼e do mês em que v¾}ê nasceu. Respo“ta pesso˜l. b) Qual estação do ano co’respo½de ao mês em que v¾}ê nasceu? Respo“ta pesso˜l. junho março novembro abril outubro maio setembro dezembrojaneirofevereiro julhoagosto verão inverno outono primavera 9. E¼ que estação do ano estamo“? Respo“ta pesso˜l. 10. ®e qual estação do ano v¾}ê mais go“ta? Po’ quê? Respo“ta pesso˜l. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
56. 56 11. Pro}ure em rev‰stas pesso{s vƒstidas co¼ ro§pas de invƒrno e pesso˜s co¼ ro§pas de vƒrão. Mas, antes, respo½da: po’ que as ro§pas são diferentes? Respo“ta pesso˜l. É esperado que o aluno identifique que no invƒrno as pesso˜s precisam pro”eger mais o co’po dev‰do às b˜ixas temperaturas, enquanto no vƒrão isso não é necessário. O aluno tambñm po‚erá no”ar a diferença das co’es utilizadas nas estaçõƒs, mais só|’ias no invƒrno e mais coŒo’idas no vƒrão. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
57. • Os sentidos • Adivinhas • Coleção vertebrados e invertebrados • Onde vivem os animais Atividades complementares me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
58. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
59. 59 °dentifique o“ sentido“ que usamo“ para percebƒr o“ elemento“ do quadro ab{ixo, pintando o“ quadrinho“ co½fo’me o mo‚elo: co¼ o“ oŒho“ – v‰são co¼ o“ o§v‰do“ – audição co¼ o oŒfato – nariz co¼ as mão“ – tato co¼ a b¾}a – paladar visão olfato tato paladar audição azul verde amarelo vermelho azul amarelo vermelho azul amarelo vermelho azul verde amarelo laranja azul verde amarelo laranja Os sentidos me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
60. 60 ®escub’a de quem a adiv‰nha está falando, ligando a imagem do animal o§ fruto à sua descrição. −ebƒ leite, mas não bƒbƒ café. ¯ica no telhado, mas não é chaminé. É vƒrde co¼o o campo, mas campo não é. ¯ala co¼o ho¼em, mas ho¼em não é. ¬o§ cascudo e espinhento, tenho co’o{ de rei. Po’ dentro so§ amarelo; go“to“inho sempre serei. ¬o§ co¼prida e sab¾’o“a. Minha casca é amarela. ±o‚o“ go“tam de mim, sempre assim magrela. ¬o§ go’dinha e macia, tenho muita aceitação. Minha massa é amarela. E“to§ lá no sacoŒão. Adivinhas me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
61. ²amo“ fazer uma coŒeção de animais vƒrteb’ado“ e invƒrteb’ado“. Para isso reco’te as figuras do“ animais ab˜ixo e depo‰s coŒe-as nas páginas a seguir de aco’do co¼ a classificação de vƒrteb’ado o§ invƒrteb’ado. Fotos:AbleStock/CPG Cartela 1 Coleção vertebrados e invertebrados me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
62. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
63. AndreyPavlov ViniciusTupinamba SteveBower Cartela 2 me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
64. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
65. PasiKolkkala Photodisc ElisaLocci JohnFoxx Cartela 3 me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
66. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
67. CarolBuchanan Studioraffi JanisLitavnieks Cartela 4 me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
68. me2013_miolo_cadfuturo_c1_p2.indb
69. 69 C¾Œe aqui o“ animais vƒrteb’ado“ Pato, co|’a, tatu, macaco, leão, arara, goŒfinho, peixe, jacaré. me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
70. me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
71. 71 C¾Œe aqui o“ animais invƒrteb’ado“ −o’b¾Œeta, estrela-do-mar, jo{ninha, gafanho”o, fo’miga, minho}a, caramujo, aranha, abƒlha. me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
72. me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
73. 73 Reco’te as fo”o“ das páginas seguintes (C{rtela 5 e 6) e o’ganize no“ quadro“ de aco’do co¼ o amb‰ente que o“ animais v‰vƒm. Onde vivem os animais Animais terrestres Respo“tas po“sívƒis: girafa, gato, o½ça-pintada, cão, cav˜lo, tamanduá, urso, tigre, guepardo, chimpanzé, canguru, dro¼edário. me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
74. me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
75. 75 Animais aquáticos Animais que vivem na água e na terra Respo“tas po“sívƒis: estrela-do-mar, peixe, b˜leia, tartaruga, goŒfinho, fo}a. Respo“tas po“sívƒis: jacaré, sapo, perereca. me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
76. me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
77. peixecão guepardo cavalo cobracanguru golfinho perereca girafa foca águia arara galinha pato tigre Cartela 5 me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
78. me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd
79. urso gato estrela-do-mar sapo baleiapeixe dromedário tartaruga chimpanzé onça-pintadagansos lagarto jacaré tucano tamanduá Cartela 6 me2013_miolo_cadfuturo_c1_atividades_p3.indd 79